Santa Cruz empata com o Náutico,Mas continua no G4 do Pernambucano

Com o resultado, o Santa Cruz manteve-se na 4ª posição no hexagonal do título do Pernambucano, com sete pontos, dentro da zona de classificação para as semifinais. Em crise, o Náutico permanece na vice-lanterna, com seis. Na próxima rodada, o Tricolor viaja para encarar o Salgueiro, no Sertão, enquanto o Timbu receberá o Central, na Arena Pernambuco, os dois jogos no próximo domingo.Erros de passes, falta de objetividade e pouca produtividade. O primeiro tempo de Santa Cruz e Náutico foi praticamente um relato do nada. Com as duas equipes sem inspiração, coube ao Tricolor os poucos lances de perigo. 

Ricardinho optou por uma escalação mais ofensiva com o quinteto João Paulo, Raniel, Biteco, Waldison e Betinho. No entanto, a falta de eficiência coral exigiu muito pouco do goleiro Júlio César.

Enquanto isso, a equipe alvirrubra padecia da falta de organização. Sem qualquer demonstração de lucidez em campo, o Timbu só conseguiu fazer com que Fred segurasse a bola (em um chute fraco) após os 30 minutos. Panorama que fez os times descerem para os vestiários sob vaias.
O Santa Cruz voltou disposto a acordar a torcida. Errando menos passes, o Tricolor chegou a marcar logo no primeiro minuto, mas o árbitro invalidou o lance. A jogada animou a equipe de Ricardinho, que se atirou ao ataque e teve a chance de abrir o placar as sete minutos, quando o árbitro marcou penalidade em cima de Moisés. Era a chance.
Mas Betinho, herói da vitória coral na última quarta-feira, decidiu assumir o papel de vilão e chutou a bola nas mãos de Júlio César. O susto, que poderia acordar a equipe alvirrubra teve efeito contrário. Desorganizado, o Timbu não conseguiu levar perigo ao gol de Fred. Sem mais emoções, o clássico seguiu em branco até o apito final.
Ficha do Jogo:
Campeonato: Campeonato Pernambucano / 2º Turno
Data: 01/03/2015
Hora: 16:00
Local: São Lourenço da Mata
Estádio: Arena Pernambuco
Árbitro: Nielson Nogueira Dias (PE)
Auxiliares: Wlademir de Souza Lins (PE) e Ricardo Chianca (PE)
Santa Cruz
Escalação: Fred; Moisés, Alemão, Danny Morais e Renatinho (Léo Veloso) ; Bileu, João Paulo, Guilherme Biteco (Wellington César) e Raniel; Waldison e Betinho (Anderson Aquino).
Técnico: Ricardinho
Cartão Amarelo: Danny Morais
Náutico
Escalação: Júlio César; David (Guilherme), Elivelton, Diego e Gaston; João Ananias, Fillipe Soutto, Bruno Alves e Patrick Vieira (Jefferson Nem); Renato (João Paulo) e Josimar.
Técnico: Moacir Júnior
Cartões Amarelos: Diego, Bruno Alves, Patrick Vieira e Guilherme.

TV CORAL

CAMPEONATO BRASILEIRO - CEARÁ 1 x 3 SANTA CRUZ



------------------------------------------------------------------------------------

ENQUANTO ISSO, NO FACEBOOK