Projetos de Alírio Moraes para 2016

A um dia da última partida pela Série B do Campeonato Brasileiro, o presidente do Santa Cruz, Alírio Moraes, fez um balanço da temporada 2015 e deu início às projeções para o próximo ano. Segundo o gestor, entre as principais pautas do Tricolor do Arruda a renovação com o meio-campo João Paulo, um aumento nas cotas de televisão e o contrato com o fornecedor de material esportivo.

Confira os principais pontos da entrevista de Alírio Moraes:

NEGOCIAÇÃO COM A GLOBO

Na próxima terça-feira estarei indo para o Rio de Janeiro negociar com a Globo as cotas de televisão para o próximo ano. Sabemos das dificuldades que iremos encontrar, porque faz tempo que o Santa Cruz não faz parte deste sistema de remuneração. Nossa expectativa é levar os indicadores que já temos em mãos, que aponta para o Santa Cruz fechar este contrato num valor razoável dentro da nossa expectativa.

COTAS DE TELEVISÃO

Teve um determinado diretor da CBF que nos ofereceu 16 milhões de contrato da TV. Eu disse que nossos jogos não passariam na TV. Não poderia assinar um contrato que nos discrimina desde o início. Depois, recebi uma ligação da Globo e a relação foi outra. Por isso, vamos na terça-feira no Rio de Janeiro e não aceitaremos menos de 20 milhões de cota de televisão. 

RECEITA PARA 2016

Pensamos em trabalhar com uma receita de cerca de R$ 50 milhões, englobando tudo. Vamos ter que apertar os parafusos. Os gastos no Santa Cruz ainda são muito elevados, precisamos nos modernizar em alguns aspectos, mas o orçamento é este.

RENOVAÇÕES DE CONTRATOS

Temos jogadores na boca da torcida e lutei muito por isso. No futebol moderno, os ídolos foram se perdendo. No Santa Cruz também. Nosso esforço é para quebrar esta lógica perversa. Temos que sonhar com os craques deste ano. Nosso esforço será grande. Nosso acesso nos dá mais credibilidade. Já tem empresa ligando, o Departamento de Marketing está trabalhando.

PROJEÇÕES PARA 2016

O que o torcedor espera é que não corramos riscos de queda na Série A. Neste momento, é prematuro falar em mais do que isso. Mas vamos brigar, vamos um time forte, de guerreiros. Estamos contatando com novos jogadores e desenhando o elenco para 2016. 

JOÃO PAULO

Durante o jantar, conversei muito com o João Paulo sobre a vida, sobre o futebol. Ele se colocou à vontade para permanecer. Agora, no lado financeiro, os times do Sudeste e Sul vêm tentando levar o atleta de qualquer forma. Estamos tentar montar uma operação para manter João Paulo, algo parecido com a de Grafite. As conversas andaram. Não gosto de garantir nada. Futebol é dinâmico. Mas as conversas para manter João Paulo estão muito avançadas.

CONVOCAÇÃO PARA A TORCIDA

Agora, precisamos da torcida. Precisamos de, no mínimo, 40 mil pessoas contra o Vitória. Precisamos que os torcedores nos ajudem. Quem sabe, caso a torcida compareça, não anunciamos já na segunda-feira a renovação de algum atleta. 

MATERIAL ESPORTIVO

Um dos pilares da gestão é ouvir a torcida, quebrar a distância. Neste processo, percebemos problemas no fornecimento de material. A Penalty passou por problemas financeiros em todos os clubes. Começamos a ser ouvidos na empresa. Depois de dois meses de negociação, revisamos completamente nosso contrato com a empresa. Isto vai mudar toda a operação. Vamos ter cinco linhas no próximo ano, com a linha popular. Vamos ter uma série de eventos. A nossa relação melhorou, inclusive, o pagamento dos royalties. Teremos uma relação de boas premiações neste novo contrato. Estaremos atentos. Caso o torcedor nos relate dificuldades, podemos romper contrato. Seja com Penalty ou com qualquer outra.

MARTELOTTE

Martelotte está super valorizado, é um campeão. Ele se encaixou totalmente no clube e vamos fazer todo tipo de esforço para tê-lo. Temos limites financeiros, mas já estamos contando com ajudas. Tenho a impressão que fecharemos renovação até a próxima semana.

CONTRATAÇÕES

O Martelotte já fez uma lista de atletas indicados e estamos buscando. Então esperamos fechar essa renovação nos próximos dias. e tivermos uma receita mensal, trazendo os atletas que pretendemos, e conseguirmos pagar em dia, ninguém segura esse clube. Pelo menos, a nível de Nordeste, temos um potencial enorme. Mas esta é a hora da ajuda da torcida. Vamos dividir esse peso. 

(VÍDEO) COLETIVA DE ALÍRIO



*COMENTÁRIOS*  

TV CORAL

CAMPEONATO BRASILEIRO - CEARÁ 1 x 3 SANTA CRUZ



------------------------------------------------------------------------------------

ENQUANTO ISSO, NO FACEBOOK