Santa Cruz tem cinco mudanças para enfrentar o América

O técnico Marcelo Martelotte usou o treino desta terça-feira para mudar o time do Santa Cruz que enfrenta o América-PE na próxima quinta-feira, no Arruda. O comandante trocou cinco peças em relação aos titulares que vinham atuando: o zagueiro Néris, o lateral-direito Lucas Ramon, o volante Dedé e os atacantes Wallyson e Arthur treinaram nos lugares de Alemão, Vítor, Daniel Costa, Raniel e Grafite, respectivamente. O motivo pode ser o curto tempo entre o jogo contra o Mequinha e o duelo contra o Bahia, domingo, pela Copa do Nordeste - serão apenas dois dias de recuperação.

O comandante usou uma formação sem goleiro, com Danny Morais e Néris na zaga, Lucas Ramon e Allan Vieira de laterais, Wellington Cézar e Dedé de volantes, João Paulo de meia e Wallyson, Lelê e Arthur como atacantes.

O pequeno descanso entre as partidas pode explicar as ausências de Grafite, que tem 36 anos, e de Vítor, que tem 33 - são, justamente, os dois mais velhos do elenco. Daniel Costa é uma peça que vem sendo questionada por parte da torcida e chegou a ser vaiado no empate de 1 a 1 contra o Salgueiro. Alemão também não tem se mostrado seguro e Wallyson parece ter ganhado a moral do chefe principalmente depois de ir muito bem contra o Carcará e ter dado a assistência para o gol de Grafite.

No início do coletivo, Vítor, Raniel e Grafite sequer treinaram no time reserva. Ficaram em um grupo em separado, ao lado de uma das barras do Arruda. Junto a eles estavam o meia Leandro Lima - o último a chegar - e o atacante Ítalo Borges.

Martelotte deu indícios de que este pode realmente ser o esqueleto do time que vai enfrentar o América-PE com suas instruções no meio do gramado, que faziam referência ao adversário todo o tempo do treino. "Eles podem marcar de maneira individual" e "o passe é importante, temos que definir o jogo logo dentro de casa", foram algumas frases usadas por ele.

Keno volta a treinar

O técnico Marcelo Martelotte ganhou um "reforço" nesta terça-feira. Ao que parece, enfim, Keno está mais próximo de fazer sua estreia. O atacante ficou de fora do empate de 1 a 1 contra o Salgueiro por sentir dores no joelho esquerdo e acabou sendo poupado pelo departamento médico. Com uma proteção no local, voltou a treinar normalmente e deve ser opção para a partida desta quinta-feira contra o América-PE.

TV CORAL

CAMPEONATO BRASILEIRO - CEARÁ 1 x 3 SANTA CRUZ



------------------------------------------------------------------------------------

ENQUANTO ISSO, NO FACEBOOK